Catálogo - …já não podem ser amanhã

Capa-Site-JA-NAO-PODEM-SER-AMANHA.jpg

…já não podem ser amanhã

R$30,00

…já não podem ser amanhã de Ângela Coradini é um discurso amoroso, travado por uma voz poética feminina que se dirige ao interlocutor amado, chamado simplesmente de “você”.

Nesses poemas sem títulos, numerados de 1 a 51, os versos são curtos como se fossem sussurros, pronunciados perto dos ouvidos de quem se ama. O leitor esbarra numa releitura contemporânea das cantigas de amigo medievais, mas agora a voz que se impõe é realmente a de uma mulher (e não a de um homem falando por ela). Uma mulher que sofre e deseja. Uma mulher que assume o papel de autora da própria vida e dos próprios versos. Essa é Ângela Coradini, nos apresentando os amores como são hoje e que já não podem ser amanhã.

Informação adicional

Peso 0.134 kg
Dimensões 13.8 × 20.8 cm
Páginas

84

Edição

Ano de publicação

2020

ISBN

978-65-990095-7-0

Descrição

Ângela Coradini é uma contadora de mentiras que divide-se entre a poesia e os roteiros audiovisuais. Tem doutorado em Cultura Contemporânea (UFMT) e é editora na revista eletrônica Ruído Manifesto (www.ruidomanifesto.org). Também é autora do livro “Imagens-espectro de futuridades no Amplo Presente”, pela EdUFMT.

 

Avaliações

Não há avaliações ainda.


Seja o primeiro a avaliar “…já não podem ser amanhã”

Você também pode gostar de…

You've just added this product to the cart: